(53) 3226-2143
Av. Rio Grande do Sul 1469 Laranjal Pelotas / RS
sombra

Pisos e Revestimentos econômicos

linha


Pisos e Revestimentos econômicos

Na hora de fazer o acabamento da construção, como pisos e revestimentos de parede, a diferença de custos pode ser imensa dependendo do material escolhido.


Como valorizar os revestimentos


Mas a solução não é optar por materiais de baixa qualidade ou aparência ruim. O truque é misturar materiais baratos e rústicos, como tijolos e cimento, com outros mais elegantes, como porcelanato, metais e outros que tenham brilho e visual mais limpo, além de usar linhas retas e com poucos detalhes, para manter o visual clean.


Assim a ambientação fica equilibrada e valorizada, com os materiais mais rústicos ganhando apelo descolado ao invés de fazerem parecer que os espaços são muito antigos ou mal acabados.


O cimento ou concreto são opções baratas e eficientes para as paredes, para o piso e até para as bancadas, se forem bem executados.


Paredes sem revestimento


Para economizar ainda mais, o ideal é que as paredes não recebam revestimento, e sim que fiquem com o material de sua composição aparente. Assim, ao invés de cobrir uma parede com revestimento de tijolos, é mais prático e barato que ela seja feita com tijolos ou blocos que fiquem aparentes. Para isso é preciso que eles sejam assentados com cuidado, para que a massa entre eles não fique aparente, se existir.


Solução econômica para pisos externos


Para pisos externos, outra alternativa econômica para os pisos é intercalar placas ou áreas de cimento, grama ou madeira com brita ou argila expandida, formando caminhos ou delimitando áreas.


 



Voltar